Treino e nutrição para este novo ano


O ano marcado pelo calendário asteca há séculos e é um bom momento para considerar os novos objectivos face a este novo ano. Entre eles, podem estar a começar a treinar, para aqueles que não o fazem, melhorar uma boa parte do corpo, para aqueles que já o fazem, ou até mesmo treinar alguma parte em concreto porque não estavam fazendo, caso típico dos abdominais. É agora que devemos observar que fizemos há um ano. Quais são os desafios que tivemos? O que desafios temos cumprido? E, sobretudo, o que desafios temos omitido por completo? É normal que durante a nossa planejamento do ano nos deixemos alguns detalhes, pelo caminho por que então esqueça por completo. Neste artigo vamos propor alguns truques no campo desportivo e nutricional para conseguir chegar a 2013 sem deixar nenhum objetivo nesta ocasião: Motivação, Controle e Disciplina. É importante que nós nos planear muito além de uma mera ilusão o objetivo que temos. É importante que estejamos realmente motivados a fazê-lo, um controle, através de um calendário de treinamento semanal, e uma disciplina que nos permita cumprir o objetivo do treinamento. Neste ponto, devemos ter um cuidado especial se o que queremos é que nossos progressos esportivos não sejam entropecidos por nossa dieta. Por isso, se nós temos planejado "comer bem", também devemos ter uma motivação, um controle e uma disciplina adequada. É óbvio que comer bem significa seguir uma dieta, mas, qual a dieta? Devemos planificarnos nossa dieta com uma antecedência e ir variando progressivamente a atual até conseguir a desejada. Isso é o que nos fornecer será uma menor sensação de ansiedade, acostumbrándonos às mudanças progressivamente e sem muito stress. Além disso, devemos ter um cuidado especial com as nossas necessidades nutricionais de uma maneira adequada. É por isso que a nutrição esportiva, neste caso, também é adequada para uma correta dieta. A nutrição esportiva, que consegue é saciar as necessidades nutricionais de um atleta através dos nutrientes mais exigidos em nossos treinamentos. Ou seja, aminoácidos, como os de cadeia ramificada, glutaminas, proteínas, carboidratos, creatina... além de outros nutrientes que podem ajudar-nos para o nosso objetivo hipertrófica, ou seja, a tarefa de crescimento muscular. É importante ter uma boa combinação de nosso treino e nutrição para conseguir nossos objetivos este ano. Não se esqueça de que ambos, mais um descanso adequado, são o único mecanismo saudável para conseguir um corpo fitness, um corpo admirado e também desejado.