Como identificar um melanoma


A forma mais perigosa de câncer de pele é o melanoma, que pode ser uma doença grave, que se estende aos órgãos internos, por isso, é muito importante saber identificar um melanoma e a sua detecção precoce, com especial atenção para os lunares, as manchas marrons e tumores da pele. Riscos de um melanoma O aumento do risco de aparecimento de um melanoma depende de vários fatores, como exposição ao sol, os antecedentes familiares ou o número de bolinhas que aparecem na pele, entre outros. Os raios UVA e UVB são perigosos para a pele e podem provocar câncer de pele, incluindo o melanoma, em especial as queimaduras solares com aparecimento de bolhas na primeira infância. Também as pessoas que têm a pele mais clara têm mais risco de desenvolver câncer de pele e aquelas que sofrem um melanoma sofrem mais risco de recorrência, e aquelas com um familiar de primeiro grau com diagnóstico de melanoma tem 50% mais de chances de desenvolver a doença do que aquelas pessoas que não têm antecedentes familiares. Reconhecer um melanoma Os auto-testes podem ajudar a identificar os cânceres primitivos da pele, e para que o auto-exame tenha sucesso, é preciso saber o que se está procurando. Por regra geral, para detectar alguma melanoma, tem que colocar especial atenção aos seguintes sinais de alerta: – novos lunares ou crescimentos. – qualquer tipo de tumores existentes que começam a crescer ou mudar. – lesões que causam coceira, sangram, ou que não curam. Sinais mais importantes a ter em conta nas bolinhas Os lunares são geralmente inofensivas, mas há que ter em conta que qualquer pessoa que tenha mais de 100 bolinhas tem maior risco de ter um melanoma, apresentando-se os primeiros sintomas em um ou mais atípicos da lua, por isso é tão importante conhecer a fundo sua pele e saber reconhecer se existem alterações em seus lunares. Assimetria O lunar é sempre benigno quando é simétrico, é dizer que se desenha uma linha imaginária no meio, as duas partes são iguais, se as duas metades não coincidem, significa que é assimétrica e vai ser uma sinal de aviso para o melanoma. Cor A maioria dos lunares benignos aparecem da mesma cor, muitas vezes, com um único tom de marrom, ua apresentar uma variedade de cores, como preto, tons de marrom, vermelho, branco ou azulado, é outro sinal de alerta de uma possível melanoma. Diâmetro Os lunares benignos tendem a ter um diâmetro menor do que os tumores malignos, já que os melanoma geralmente medem mais de 6 mm, mas, às vezes, podem apresentar-se mais pequenos quando são detectados pela primeira vez. Bordas Um sinal benigno apresenta borda suaves, ao contrário dos melanomas, que tendem a tendem a ser irregulares, decorados ou apresentar entalhes. Evolução Os pintas benignas comuns têm a mesma aparência, com o tempo, daí a manter cautela quando um lunar começa a mudar, de alguma forma, por isso qualquer mudança no que se refere a tamanho, cor, forma, elevação, ou qualquer novo sintoma, como o sangramento, coceira ou aparecimento decostra tens de falar com urgência com o seu médico. Espero que com este post você tenhamos ajudado a saber como identificar um melanoma. Mas como sempre dizemos-lhe ao menor sinal de alarme deve recorrer a um profissional para que possa diagnosticarlo corretamente E, como sempre, é melhor prevenir, lembramos neste outro post: Melanoma como prevenir Fonte Imagem 1: koniibu? Fonte Imagem 2: vic